Drake hesitou trabalhar com Chris Brown por causa de Rihanna

Drake hesitou trabalhar com Chris Brown por causa de Rihanna

Drake contou em uma nova entrevista concedida ao site Rap Radar que hesitou em trabalhar com o ex de Rihanna, Chris Brown, no tema No Guidance, lançado em julho deste ano.

Durante a conversa com Elliot Wilson e Brian B.Dot Miller, o rapper canadense falou de alguns relacionamentos: os bons e os ruins com alguns dos maiores nomes da indústria da música incluindo Brown, Kanye West, Pusha T, Jay-Z e Rihanna.

Muitos sabem que Drake e Chris Brown são inimigos há tempos, entretanto, o rapper de 33 anos, decidiu que era hora de deixar isso para trás e colaborar com ele em No Guidance, mas ao mesmo tempo não queria desrespeitar Rihanna com essa colaboração, recordando os problemas que Brown e ela tiveram no passado pela agressão que a cantora sofreu.

"Nos juntamos antes e tentamos fazer uma música, mas acho que estavamos forçando. Acho que havia ressentimento dos dois lados", justifica. "Sabe, no fim do dia quando você se afasta disso você começa a se sentir idiota, porque é tudo por causa de uma mulher, sabe? Mas obviamente isso pode se transformar em algo maior e foi isso que aconteceu nessa situação", explica.

Drake admitiu que ainda se importa muito com a cantora e por isso ele hesitou no começo, sobre fazer as pazes com o cantor, para que ela não se sentisse 'desrespeitada'.

"Acho que chegamos ao ponto de que a pessoa que estava no meio de nós não é mais parte das nossas vidas, e eu tenho o maior amor e  respeito por ela. Eu penso nela como parte da minha família, por isso eu hesitei no começo porque não queria que ela se sentisse desrespeitada por eu estar me juntando a ele, mas eu sei que ela sabe quantas noites eu e ele nos sentimos consumidos por esse assunto", disse. "Acho que ela é uma boa pessoa com um bom coração, que prefere que a gente acabe com esse assunto do que continuar com uma infantilidade que pode virar uma situação séria, então decidi seguir com a colaboração", explicou o cantor.

Relembrando os fatos

No dia 8 de fevereiro de 2009 Chris Brown e Rihanna, ainda namoravam. Eles tiveram uma discussão que se transforma em violência física pelo rapper. Rihanna tem ferimentos graves visíveis no rosto e é hospitalizada. Brown, por esse fato, é acusado de crimes de agressão e 'ameaças criminais' em 5 de março.

Na audiência, ele se declara culpado e, em 22 de junho do mesmo ano, assina um acordo com o promotor do caso, com o qual se compromete a fazer um trabalho comunitário para não ir para a cadeia e é enviado para terapia de violência doméstica.

Por conta desse assunto, Chris Brown teve visto negado para entrar no Reino Unido por agredir Rihanna. O rapper havia planejado uma turnê naquele país e na Irlanda e não pôde fazer. Em um comunicado, o Departamento do Interior britânico disse: "Reservamo-nos o direito de negar a entrada no Reino Unido a qualquer pessoa culpada de crimes graves. A segurança do meio ambiente é uma das nossas principais preocupações.".

Carregar Mais Notícias