Isis Valverde sobre fake news: ‘Minha família foi agredida’

Isis Valverde sobre fake news Minha familia foi agredida

Durante participação no Encontro com Fátima Bernardes desta quarta-feira (18), Isis Valverde comentou sobre a manchete sensacionalista que foi criada, sobre uma foto em que apareceu amamentando o filho, o fofíssimo Rael.

“Fui agredida. Minha família foi agredida. Sabe como é mãe de primeira viagem, todo mundo sabe que amamentar é difícil. Eu fiquei arrependida de ter postado. Alguém entrou com essa chamada sexual com meu filho. Depois, vi todas as mulheres mandando fotos para mim. Não tem nada de mal nisso. Foi um movimento grandioso e foi bem legal”, afirmou a artista, sobre tal assunto.

“Amamentação é um ato de amor e não tem nada de ruim nisso. Esse 'mamá' é alimento, nossos seios foram feitos para isso”, complementou Isis.

Na ocasião, a famosa atriz também falou da experiência com a gravidez e a maternidade.

“Meu filho foi planejado, desejado. Quando eu peguei o teste e deu positivo, tive um acesso de choro. (...) Eu fiquei muito nervosa. Eu achei que não daria conta. Ser mãe é muito difícil. Depois foi o negócio do parto”, contou Isis.

Durante o bate-papo com Fátima Bernardes, a famosa atriz ainda falou de seu primeiro livro, Camélias em Mim, lançado esta semana.

“Eu fazia por prazer mesmo. De repente, comecei a ler para pessoas próximas e aí, me dei essa chance. Dediquei a minha avó, porque esse poema eu escrevi na casa dela. Ela faleceu. E a única coisa que sobreviveu na casa dela, depois de dois anos, quando eu tive coragem de entrar de novo, foi a árvore de camélias brancas. A cena foi inspiradora e muito triste ao mesmo tempo. Foi como se ela estivesse viva ali ainda”, afirmou a intérprete da personagem Betina, em Amor de Mãe, atual novela das 21h da Globo.

"Me sinto em um momento muito especial de poder dar voz a essas mulheres. A situações que elas passam todos os dias e não conseguem expor por medo ou vergonha. É uma cena chocante, mas é muito real. Se você está aqui na plateia e sofre, tem que denunciar", declarou ela, sobre o atual trabalho na televisão.

Carregar Mais Notícias