Luisa Mell sai em defesa do peru de Natal após novo crime contra animais

Luisa Mell
Luisa Mell faz apelo em defesa dos animais (Imagem: Reprodução / Instagram)

Luisa Mell causou polêmica em um desabafo envolvendo o peru. Para a ativista, não adianta ficar sensibilizado com a rinha de pit bulls descoberta na semana passada pela polícia e comer peru na ceia de Natal.

A famosa recebeu onze dos trinta cachorros da raça pit bull resgatados da rinha que foi estourada pela polícia. Nela, os cães duelavam até a morte. Dos resgatados, dois morreram por infecção e os outros estão em recuperação.

À revista Veja, Luisa disse que 2019 foi um divisor de águas para a causa animal. “Não tem sentido chorar pelo pit bull morto em rinha e comer peru na ceia de Natal. Não comam animais, por favor”, pediu.

Na rinha, de acordo com o delegado Matheus Laiola, foram apreendidos R$ 47 mil em espécie. Os pit bulls de briga são avaliados em mais de R$ 200 mil.

A apresentadora destacou o real estado dos animais que ela acolheu: “Por serem obrigados a tomar anabolizantes, muitos estão com os rins comprometidos”, lamentou.

Luisa Mell revela atitude nobre e é ovacionada na web

Luisa Mell anunciou uma grande notícia para quem luta a favor da causa em defesa dos animais no país e no mundo. A ativista revelou a construção de um santuário de animais e emocionou os internautas.

A construção será feita pela ONG da famosa. Na terça-feira (10), ela assinou um documento com a construtora que estará no comando das obras. “Vamos começar a construir [a estrutura] para chegar luz, água e estrada de acesso, a sede, a casa dos funcionários e a cozinha”, disse.

“Agora é real. É mais uma obra para ajudar muitos animais que estão em sofrimento que não conseguíamos ajudar”, garantiu a famosa, empolgada com o projeto.

O dinheiro para a construção do santuário foi alcançado com um bazar beneficente. “Estou com um misto de felicidade e frio na barriga porque a responsabilidade será grande, mas Deus vai nos ajudar e, juntos, salvaremos muitos outros animais!”, declarou.

Carregar Mais Notícias