Mulher que acusou Príncipe Andrew de assédio se pronuncia

Mulher que acusou Principe Andrew de assedio se pronuncia

Recentemente, o Príncipe Andrew, filho da Rainha Elizabeth II, foi afastado da vida pública após ser acusado de cometer assédio sexual.

A mulher que o acusou foi Virgina Giuffre, que se pronunciou sobre o caso pela primeira vez em entrevista ao programa Panorama, da BBC britânica, na última segunda-feira (2).

Durante a conversa, Virgina implorou que acreditassem em sua história ao invés de a diminuírem por causa disso, e afirmou ter sido traficada aos 17 anos para o príncipe poder transar com ela.

“Esta não é uma história de sexo sórdida. Esta é uma história sobre ser traficada. Esta é uma história de abuso e uma história da realeza de vocês”, desabafou, antes de detalhar o que sentiu no fatídico momento em 2001, reforçando também que o encontro aconteceu por causa da socialite Ghislaine Maxwell e do financiador Jeffrey Epstein.

“Não durou muito tempo. Foi nojento. Ele não era mau ou nada. Mas ele se levantou e disse: ‘Obrigado’, e saiu. Eu fiquei sentada na cama, horrorizada, envergonhada e me sentindo suja. Eu apenas não esperava isso da realeza. Eu não esperava isso de alguém que as pessoas admiram e se espelham na família real.... Eu não conseguia entender como os níveis mais altos do governo, pessoas poderosas, estavam permitindo que isso acontecesse; não apenas permitindo que acontecesse, mas participando disso”.

Giuffre finalizou enfatizando a veracidade de uma foto na qual Andrew está supostamente envolto com o braço em sua cintura, e que ela está realmente dizendo a verdade.

“Ele sabe o que aconteceu. Eu sei o que aconteceu. E há apenas um de nós dizendo a verdade”, finalizou.

O que vocês pensam a respeito deste escândalo?

Carregar Mais Notícias