P. Diddy revela que quase desistiu de sua festa de 50 anos

P Diddy revela que quase desistiu de sua festa de 50 anos

Já faz mais de um ano que Kim Porter, ex-companheira de Sean 'P.Diddy' Combs, morreu e o cantor e produtor ainda não consegue preencher o vazio deixado pela mãe de seus filhos.

E esse sentimento parece ter só aumentado agora que ele fez 50 anos, em novembro, dias antes do primeiro aniversário de morte de Kim.  O magnata do hip-hop, que recentemente celebrou seu aniversário com uma festa repleta de estrelas, revelou que essa festa quase não aconteceu pela ausência de Kim.

Ele contou à revista People que não queria comemorar a data porque não queria fazê-lo sem ela.

"Eu cancelei minha festa duas vezes, porque não conseguia me ver festejando meus 50 anos sem ela (...) no dia do meu aniversário (4 de novembro) eu não estava no clima", revela, afirmando que optou somente por um jantar em família ao invés de festejar. "Não queria que fosse falso. Queria que fosse um ponto de força", ele compartilhou.

Mas Diddy eventualmente teve uma ideia melhor, reagendando a festa para a semana do que seria o 49º aniversário de Kim, que nasceu em 15 de dezembro: "Eu pensei, 'Posso ter uma festa com Kim e poderemos festejar juntos'. E deu tudo certo", contou o intérprete de I'll Be Missing You.

Com cerca de 600 convidados, incluindo Leonardo DiCaprio, Jay-Z, Beyonce Knowles, Kanye West e Kim Kardashian, Diddy festejou o aniversário no dia 14 de dezembro, em sua mansão de Beverly Hills.

O artista postou um tributo para Kim no que seria seu 49º aniversário, no dia 15 de dezembro, dizendo: "FELIZ ANIVERSÁRIO, AMOR @ladykp", ele legendou o vídeo do Instagram. "Palavras não podem explicar o quanto sinto a sua falta, mas hoje é seu aniversário. Estamos celebrando você hoje! Te amamos e sentimos sua falta!!!".

Morte

Kim Porter morreu por consequência de uma pneumonia lobar em 18 de novembro de 2018. Ela foi encontrada morta em sua casa de Toluca Lake. Inicialmente a imprensa cogitou suicídio, mas posteriormente - após meses de investigações - ficou comprovado que ela estava mesmo doente.

Arrependimento

P. Diddy confessou em suas redes sociais que hoje se arrepende de não ter se casado com Kim Porter, mãe de três de seus filhos, que morreu repentinamente no ano passado.

O rapper admitiu que gostaria de ter se casado com ela enquanto ainda estavam juntos.

Quando um fã lhe disse que 'ele não quis se casar com Kim quando ela estava viva', Diddy revelou que se arrependeu de sua decisão.

Carregar Mais Notícias