Plácido Domingo, tenor espanhol, rebate acusações de assédio

Placido Domingo tenor espanhol rebate acusacoes de assedio

O renomado tenor Plácido Domingo, de 79 anos, se defendeu das acusação de assédio sexual em uma entrevista para o jornal El País. Segundo ele, “as acusações que me fazem não têm sentido". Depois que cerca de 20 mulheres o acusaram por comportamento impróprio em uma investigação feita e divulgada pela agência de notícias internacional The Associated Press, o cantor renunciou o seu posto de diretor-geral da òpera de Los Angeles.

Em relação à justiça, o espanhol não quer abrir nenhuma ação formal contra as mulheres pois acredita que não cometeu nenhum tipo de crime.

"Contra um meio de comunicação você tem toda a chance de perder, e quanto às acusadoras, não penso em adotar represálias contra ninguém. Como já disse, não fui acusado de nenhum crime e não penso em processar ninguém."

Nas suas falas, Plácido questionou as forma que se recebem elogios, apontando notar uma diferença hoje em dia na recepção das coisas.

"A isso me refiro, ao assédio. Deve ser castigado em cada momento e em todas as épocas. Ao que eu me referia, como espanhol, é que o uso do elogio, por exemplo, 'que linda a sua roupa', 'que linda você está', isso era algo que você podia dizer há 30 anos, ou mesmo há dois. É que não se pode dizer nada a uma mulher. Aqui não é assim, mas em outras partes, e concretamente nestes grupos de onde saem as acusações, é assim. A mulher é o ser mais extraordinário que Deus criou. Todos viemos de uma, somos filhos de uma mãe. Isso é o melhor que se pode dizer de uma mulher", afirmou ele. 

Sua primeira aparição posterior a investigação aconteceu na cidade austríaca de Salzburgo, da qual saiu ovacionado pelo público e pessoas da equipe do espetáculo. O barítono apresentou a ópera Luisa Miller, dividida em trêsatoseescrita por Giuseppe Verdi.

Entenda o caso

A história tomou os holofotes em agosto deste ano, com a divulgação da reportagem da The Associated Press. Uma das mulheres contatadas disse que Domingo teria colocado a mão embaixo da saia que ela estava usando.

“Ele estava sempre tocando você de alguma forma e sempre beijando”, declarou outra vítima, uma cantora.

A agência ainda relatou que teria conversado com pelo menos 36 mulheres, que teriam testemunhado comportamentos que podem ser considerados inadequados por parte do famoso artista.

Carregar Mais Notícias