Suicídio ou estupro? Apresentadora da Globo cai nua da sacada de motel e caso tem reviravolta histórica

Leila Cravo em entrevista a Geraldo Luís no Domingo Show. Foto: Reprodução apresentadora da gLOBO
Leila Cravo em entrevista a Geraldo Luís no Domingo Show, da Record. Foto: Reprodução

Famosa apresentadora e atriz da Globo cai completamente nua da sacada de um motel no Rio de Janeiro e verdade vem à tona 40 anos depois do fatídico acontecimento

Se você viveu na década de 70 com certeza sabe quem é Leila Cravo e sua horripilante história. A artista foi uma das musas da década, chegou a fazer várias novelas e até a apresentar o Fantástico, na Globo, em uma época em que somente belas atrizes desempenhavam a função.  No entanto, a apresentadora da Globo teve sua carreira interrompida brutalmente por conta de um escândalo que quase lhe custou a vida. Em novembro de 1975, Leila Cravo foi encontrada nua e totalmente ferida na avenida Niemeyer, no Rio de Janeiro, em frente a um motel muito badalado da cidade carioca. Testemunhas afirmam que a atriz estava agonizando e com pouquíssimas chances de vida.

Na época em que a tragédia aconteceu, Leila Cravo havia rompido seu relacionamento com um famoso empresário, que era casado. O inquérito do caso da atriz concluiu que ela teria tentado suicídio e se jogado de uma altura de 18 metros, com isso, os jornais locais da década, noticiaram que a apresentadora da Globo teria pulado da sacada do motel por conta da desilusão amorosa.

“Se eu tivesse me jogado, se eu tivesse sido jogada, eu teria caído no mar. Um corpo com mais de 50 quilos projetado para frente, ele não volta para trás no caminho”, argumenta Leila Cravo contra a versão que foi tomada como verdade na época em entrevista ao Domingo Show, na Record.

Porém, na entrevista ao Record em 2018 e rememorada no último domingo, 22, Leila Cravo afirma que estava em um dos quartos com um rapaz com quem tinha tido um romance no passado e jamais teria tentando qualquer ato de suicídio. Na declaração, ela rememora que quando entrou na piscina do quarto de motel, viu que tinham mais dois homens no local, um deles, inclusive, um ministro cujo ela preferiu não revelar a identidade.

A apresentadora da Globo confessa que sua última lembrança do fatídico acontecimento foi de ter um revolver apontado para seu olho, daí em diante ela apagou. O exame de corpo de delito feito mostrou que Leila Cravo não foi abusada sexualmente, mas foi violentada na região íntima com uma barra de ferro.

A tragédia deixou Leila Cravo com várias sequelas, a atriz sofreu um politraumatismo craniano e ficou em coma durante alguns dias. Ela também chegou a perder o paladar, o olfato e 95% da visão do olho esquerdo

Apresentadora da Globo foi vítima de uma das maiores tragédias da década de 70. Foto: Reprodução
Apresentadora da Globo foi vítima de uma das maiores tragédias da década de 70. Foto: Reprodução
Carregar Mais Notícias