Helen Ganzarolli chora muito e relembra história divertida com Gugu

Helen Ganzarolli
Helen Ganzarolli chorou muito e lembrou de história divertida com Gugu Liberato (Imagem: Reprodução / Instagram)

Entre 2000 e 2009, justamente a fase inicial de sua carreira, Helen Ganzarolli trabalhou com Gugu Liberato no Sabadão e no Domingo Legal. Nesta quinta-feira (28), ela se despediu do apresentador no velório dele, que aconteceu na ALESP, e foi vista aos prantos.

Abalada com a morte do artista, ela desabafou aos jornalistas sobre seu sentimento e explicou o seu sumiço: “Eu me emocionei muito, quando cheguei perto. Falei que não ia chorar, porque já chorei desde quinta-feira, já sabendo do que estava acontecendo, porque temos amigos em comum. Por isso que me afastei um pouco da imprensa”.

Para ela, o momento mais chocante foi ver Gugu no caixão: “Na hora que eu vi o rosto dele, me emocionei de verdade, porque eu vi que ele não vai voltar. Deus sabe de todas as coisas, e eu espero que ele esteja bem, onde quer que ele esteja”.

“A gente só deseja o conforto à família. A Rose me abraçou emocionadíssima, eu já conheço ela há muitos anos… Os meninos, ainda pequenininhos. Até 2009 trabalhei para o Gugu e depois a gente não perdeu o contato, já se reencontrando em festas. Lamento não poder ter a alegria dele, aqui“, completou Helen.

A ex-assistente de palco exaltou a vital influência do apresentador em sua carreira artística: “Ele teve um papel único e importante no início da minha carreira. Onde tudo começou, foi com ele. Ele foi decisivo para eu ficar conhecida no Brasil inteiro, criar quadros, me envolver em tudo que acontecia no palco. Só tenho o que agradecer por tudo que ele fez. Ele me elogiava muito, dizia que eu tinha cara de boneca. Sinto gratidão por ele”.

Mais calma, a modelo relembrou um momento divertido com o famoso: “Numa festa que a gente foi do nosso médico em comum, tínhamos que usar uma burca e a gente estava junto… Ele dizia: ‘A gente pode fazer o que a gente quiser com essa burca, vamos tomar todas’. A gente saindo com a burca pra ninguém reconhecer a gente. Ele era muito divertido”.

Por fim, Helen Ganzarolli elogiou a competência de Gugu Liberato: “Não era fácil apresentar um programa aos domingos por tantas horas e conquistar o Brasil inteiro, todas as famílias, entrar na casa das pessoas daquele jeito meigo e divertido“.

Carregar Mais Notícias