Mateus Solano estrela peça infantil, passa por perrengue com equipamento e fica pelado no palco: “Igual uma lagartixa”

Mateus Solano
Mateus Solano (Reprodução)

Mateus Solano foi protagonista de uma peça infantil, mas acabou passando por um perrengue e ficando pelado na frente das crianças

Mateus Solano foi um dos convidados do Que História É Essa, Porchat?, do GNT, e relembrou uma situação constrangedora que passou enquanto estava no palco. Na apresentação, o ator ficava pelado e desfilava com o bumbum de fora. Porém, um fiscal foi conferir a peça infantil, a fim de verificar o conteúdo e a classificação indicativa.

“Na peça, o rei está desfilando pela cidade em uma biga. Na cena final, o rei está nu, né? E vem uma criança denunciar que ele está nu. Eu tinha que descer da biga, andar para a coxia e a minha bunda aparecia por alguns segundos, para as pessoas verem o rei nu”, explicou Solano.

A reação das crianças ao verem o traseiro de Mateus era divertida, mas uma denúncia fez com que um fiscal fosse até lá. “As crianças viam a minha bunda, mas era uma brincadeira. Quando uma criança vê uma bunda ela pensa maldade? Até que um dia vem a diretora do teatro me contar que vem um censor, de classificação indicativa”, revelou.

Ao tentar não mostrar tudo, Mateus caiu em cima dos equipamentos: “Saí igual uma lagartixa dali”, brincou. Surpreendendo, o fiscal adorou a apresentação e se divertiu com a queda, acreditando que se tratava de algo roteirizado. “O censor adorou. Achou que aquilo fazia parte da peça. Ele não só adorou, como criticou a mulher que fez a denúncia, mas disse que só não ficou chateado porque pôde assistir ao espetáculo”, revelou Mateus.

Ivete Sangalo também participou do Que História É Essa, Porchat? e revelou uma situação hilária que passou ao encontrar a cantora internacional Cher enquanto estava em um desfile de moda. Ao ver Cher e o batalhão de fotógrafos, Ivete fingiu naturalidade e trocou algumas palavras com a diva internacional. “Daqui a pouco vem um bolo de gente, fotógrafos, aquela loucura. Falei: ‘Ih, deve ser esse menino Karl Lagerfeld’. De repente abriu um clarão, quem sai da roda: Cher. ‘Do you believe in life after love’. Quando eu vi Cher, eu digo: ‘Minha carreira internacional está consolidada’. Ela andou, sentou aonde? No lugar de Dito. Conversa vai, conversa vem. Ela amiguxa de Shakira, eu no meio. Primeiro pintou um paredão de fotógrafos e eu, que sabia que alguma coisa ia respingar no Brasil, na Bahia especificamente, eu fazia bem assim para dizer que eu era parte daquilo tudo”.

Mateus Solano
Mateus Solano no Que História É Essa, Porchat? (Reprodução)
Carregar Mais Notícias